Blog

Melhore o financeiro da empresa de segurança com a tecnologia

POSTADO EM 05/07/2022 POR eugestor

 

Como o financeiro da sua empresa de segurança lida com a emissão de notas fiscais e o envio de boletos? Muitas empresas tendem a demorar dias e até semanas para faturar a carteira inteira de clientes. Os prazos podem se estender ainda mais à medida que os negócios crescem.

 

É comum, portanto, empresas de segurança aumentar sua equipe para poder executar esse processo. São gestores que desconhecem ferramentas de gestão que podem executar essa função de forma automática – saiba que para toda ação repetitiva há algo que pode ser feito para automatizá-la.

O faturamento é um exemplo disso. Com o apoio de um software, é possível faturar toda a carteira de clientes, enviar a NF e o boleto à eles de forma automática e em poucos minutos.

Quer saber como? Então continue com a gente para descobrir!

Por que automatizar o setor financeiro?

A rotina de uma empresa de segurança é muito dinâmica. São muitas atribuições para a equipe lidar: novos contratos, atendimento aos clientes, gerenciar as OSs, executar as instalações, controlar o estoque, cuidar da satisfação do cliente, enfim. É muita coisa!

E o financeiro entra nessa jornada alucinante de demandas – controle de entradas e saídas, faturamento, emissão de NFs, envio de boletos, cobrança, reenvio de segunda via de boleto, baixas – consumindo boa parte do tempo e da energia de quem atua na empresa.

Não por menos, muitas empresas aumentam a equipe desse setor para dar conta das atribuições que são dependentes de uma pessoa para serem executadas. Desconhecem de ferramentas que já estão no mercado para automatizar muitos processos e reverter o valor gasto com pessoal em investimento na empresa.

Além da economia, outro ponto que precisa ser levado em consideração está relacionado à segurança e confiabilidade das informações.

Até alguns anos atrás, o setor financeiro usava apenas cadernos e planilhas para fazer todo o controle. E convenhamos, esses métodos não proporcionavam segurança, porque existia o risco de os dados serem extraviados ou sofrerem alterações.

Ou seja, automatizar o setor financeiro é uma forma de a empresa reduzir as despesas com a equipe, mas, também, uma ação estratégica para proteger as informações valiosas geradas nesta área.

Benefícios de um software para o setor financeiro

O grande diferencial de um software é que ele consegue automatizar muitos processos do setor financeiro. E é essa automatização que vai fazer com que a empresa de segurança obtenha os seguintes benefícios:

  • Melhor gestão de recursos: como todas as informações ficam salvas dentro do sistema, o empresário consegue adquirir uma visão mais ampla sobre as finanças. E essa visão pode ajudá-lo a direcionar melhor os recursos e até pensar em ações estratégicas para controlar e reduzir despesas.
  • Maior controle sobre entradas e saídas: o gestor pode, também, acessar o sistema para verificar quanto de dinheiro entrou e saiu do caixa, e com base nessa informação fazer o planejamento financeiro para realizar novos investimentos.
  • Faturamento em lote: a empresa de segurança não precisa mais demorar dias para faturar a carteira inteira de clientes. Pode acessar um sistema de confiança, realizar o faturamento em lote e o envio de boletos e notas fiscais em poucos cliques.
  • Tomada de decisão estratégica: com o software, o empresário pode acessar indicadores de desempenho que mostram a real situação do seu negócio. Essas KPIs também envolvem o setor financeiro, então podem contribuir para uma tomada de decisão mais estratégica sobre futuros investimentos, contratações e até compra de novos equipamentos.

Minha empresa precisa de um sistema de gestão?

Um sistema para empresas de segurança é semelhante a qualquer software integrado de gestão. A única diferença, nesse caso, é que a tecnologia foi desenvolvida para atender empresas voltadas para esse tipo de negócio. Ou seja, a ferramenta é mais específica, conhece e respeita toda a regra de negócio.

Além disso, circula por todos os departamentos: desde a prospecção de clientes até a manutenção deles na carteira, e entrega funcionalidades que ajudam no orçamento, controle de estoque, abertura e gestão de ordens de serviço. Também na emissão de contratos, faturamento e cobrança.

Mas como a tecnologia funciona na prática?

Considere esse exemplo:

Digamos que a sua empresa de segurança gerou uma ordem de serviço e na descrição desse documento consta a instalação de um alarme. Assim que essa ordem é lançada dentro do sistema, o estoque é acionado sobre a necessidade daquele item especificado na OS.

Agora, veja outro exemplo considerando o mesmo caso:

O técnico fez a instalação do equipamento e acessou o aplicativo do sistema no smartphone para dar baixa na OS. Assim que o trabalho é dado como concluído pelo próprio profissional, a ferramenta imediatamente atualiza o status da ordem e o serviço é enviado automaticamente para o faturamento.

Ou seja, tudo é integrado e todas as operações dentro da empresa de segurança funcionam em sincronia.

 

Ainda não está convencido de que um sistema pode fazer diferença dentro da sua empresa?

Então solicite uma demonstração do EuGestor, sistema de gestão para empresas de segurança. Veja como um software completo de gestão pode potencializar o financeiro e demais departamentos da sua empresa!

últimos posts

Ordens de Serviço: o fluxo da empresa de segurança começa aqui
Melhore o financeiro da empresa de segurança com a tecnologia
Controle de estoque: sua empresa de segurança faz corretamente?
Uma empresa é feita por pessoas ou as pessoas fazem uma empresa?
SAC: como prestar um atendimento digno de conto de fadas?
Open Banking chegou para mudar o mercado financeiro